Últimas Resenhas

[Resenha] A Hospedeira - Stephenie Meyer

17 julho 2012


Título: A Hospedeira
Autora: Stephenie Meyer
Gênero: Ficção| Sci-fi | Romance 
Editora: Intrínseca
Paginas: 557
Ano: 2009


Sinopse:
Nosso planeta foi dominado por um inimigo que não pode ser detectado. Os humanos se tornaram hospedeiros dos invasores: suas mentes são extraídas, enquanto seus corpos permanecem intactos e prosseguem suas vidas aparentemente sem alteração. A maior parte da humanidade sucumbiu a tal processo. Quando Melanie, um dos humanos "selvagens" que ainda restam, é capturada, ela tem certeza de que será seu fim. Peregrina, a "alma" invasora designada para o corpo de Melanie, foi alertada sobre os desafios de viver dentro de um ser humano: as emoções irresistíveis, o excesso de sensações, a persistência das lembranças e das memórias vívidas. Mas há uma dificuldade que Peregrina não esperava: a antiga ocupante de seu corpo se recusa a desistir da posse de sua mente. Peregrina investiga os pensamentos de Melanie com o objetivo de descobrir o paradeiro dos remanescentes da resistência humana. Entretanto, Melanie ocupa a mente de sua invasora com visões do homem que ama: Jared, que continua a viver escondido. Incapaz de se separar dos desejos de seu corpo, Peregrina começa a se sentir intensamente atraída por alguém a quem foi submetida por uma espécie de exposição forçada. Quando os acontecimentos fazem de Melanie e Peregrina improváveis aliadas, elas partem em uma busca incerta e perigosa do homem que ambas amam.



Uma História envolvente e confusa com certeza, precisa ser lida com cautela ou como algumas amigas minhas você vai umas três vezes no primeiro capitulo... rsrsrsr

Começamos a história com a Peg vulgo Peregrina sendo colocada no corpo de Melanie a humana. Peg é uma luz uma especie de extraterrestre que esta sendo inserida nos corpos humanos que são capturados, estamos no futuro e essa especie acredita que esta fazendo a coisa certa pois suas regras e formas de viver são outras e eles querem salvar nosso mundo da nossa própria espécie ( Nessa parte comecei a ficar mais interessada ainda na estória porque eu realmente acredito que o HOMEM esta destruindo a Terra ... o.O).

Na pratica a alma humana deveria ser dominada e extinguida do corpo para que eles pudessem se apoderar do corpo, mas infelizmente não é isso que acontece com o corpo que foi dado a Peg... Melanie que seria uma integrante dos Selvagens ( humanos que conseguiram fugir e vivem escondidos ) se recusa a entregar seu corpo luta até o fim...

A missão da Peg seria expulsa-la, mas na tentativa de descobrir onde os selvagens estão escondidos ela se deixa viajar nas memórias da dona do seu corpo conhecendo assim Jared o amor de Melanie que agora também será de Peg. Peg vai começar a entender melhor os humanos mantendo contato com Melanie, que esta disisperada em busca de seu irmão que fugiu junto com ela. Peg entrara nessa busca, mas ao entrar em contato com os humanos e conhecer Jared pessoalmente suas intenções vão mudar...

E agora ele se vê em uma encruzilhada onde terá que escolher entre sua raça ou o amor que acaba de conhecer...

"Um triângulo amoroso com apenas dois corpos."


A estória pra mim foi fascinante, principalmente quando as duas começam a virar amigas... As brigas que rolam entre as duas são hilárias principalmente quando Melanie descobre que Peg esta se apaixonando por Jared e ele por sua vez ja não sabe mais quem ama, afinal as duas estão no mesmo corpo!!! Intrigante e engraçada vale a pena

ler essa História.


Bjos e até a próxima.


Real Time Web Analytics