Últimas Resenhas

[Resenha] A Química que há enntre Nós - Krystal Sutherland

24 abril 2017

Título: A química que há entre nós
Gênero: YA | Romance | 
Autora: Krystal Sutherland 
Editora: Globo Alt 
Páginas: 272
Ano: 217

Sinopse:

Grace Town é esquisita. E não é apenas por suas roupas masculinas, seu desleixo e a bengala que usa para andar. Ela também age de modo estranho: não quer se enturmar com ninguém e faz perguntas nada comuns.

Mas, por algum motivo inexplicável, Henry Page gosta muito dela. E cada vez mais ele quer estar por perto e viver esse sentimento que não sabe definir. Só que quanto mais próximos eles ficam, mais os segredos de Grace parecem obscuros.

Mesmo que pareça um romance fadado ao fracasso, Henry insiste em mergulhar nesse universo misterioso, do qual nunca poderia sair o mesmo. Com o tempo, fica claro para ele que o amor é uma grande confusão, mas uma confusão que ele quer desesperadamente viver. 




E 
então ele chegou, lindo e formoso em uma embalagem cheia de amor, como todas as que vem da Globo Alt, e apesar da capa linda e do nome sugestivo eu não imaginava seu conteúdo. Mas foi amor a primeira vista, então me joguei de cabeça nessa aventura, e no final? Virei a última página sem um pedaço da minha alma.

"Às vezes você não sabe que as coisas serão extraordinárias até que elas são."


Henry nunca foi um adolescente muito chegado há romances, foi sempre um rapaz muito prático, e depois de assistir alguns relacionamentos de seus amigos fracassarem, entendeu que aquilo era drama demais pra sua vida kkkk, mas enfim algo estranho acontece, e de toda forma, pela pessoa mais estranha possível. Apesar de não conseguir identificar seus sentimentos logo de cara, Henry sabe que de alguma forma, aquela garota estranha chamada Grace Town que se veste com roupas de homem e manca como se usasse uma prótese mexe com ele, se  isso vai ser bom ou ruim? Só o tempo irá dizer.

O livro é narrado em primeira pessoa, e vamos conhecer Grace através dos olhos de Henry, e ele começa a sua história no momento em que viu aquela menina estranha entrar na aula de teatro, a primeira vista ele sentiu curiosidade, mas houve um segundo contato e foi aí que tudo começou. Grace e Henry receberam a missão de serem os editores do jornal escolar, ele lutou por isso por anos, ela, chegou no colégio há apenas 3 meses e já ganhou o cargo, mas ela não aceita, segundo ela, ela não escreve mais, Henry não se conforma com sua atitude e resolve interrogá-la, e é aí que começa a amizade... Grace muda de ideia e resolve participar do jornal, eles começam a ter mais contato e Henry cada vez fica mais apaixonado.

Grace possui demônios, demônios grandes que a destruíram, e a menina antes linda e apaixonante cheia de vida, se tornou apenas um corpo vazio, sem vida, sem alma. Ela é um mistério, além de suas roupas largas e masculinas e o fato de que ela não escreve mais, Henry não sabe muito sobre ela, mas aos poucos ela vai se abrindo, eles vão se relacionando e as coisas vão acontecendo de uma forma dolorosa e intensa para ambos.

Henry tem uma vida perfeita dentro dos padrões, uma irmã maluca, que foi o terror do colégio onde ele estuda e lhe deixou um legado, pais totalmente malucos e apaixonantes, e dois amigos, Lola, aquela que coloca ordem na turma, e Murray o amigo dramático e doido, tendo uma vida tão organizada e pratica, Henry não estava preparado para o tsunami Grace Town.

Falar desse livro se tornou uma missão quase impossível, juro que estou tentando, mas não sei como passar para o papel tudo que senti durante a leitura, mas posso começar dizendo que Krystal simplesmente dá um soco no estômago do leitor com muita classe, apesar de ser considerado um romance adolescente, A química que há entre nós aborda um amor tão profundo e real, tanta dor e redenção, que ás vezes era difícil lembrar que eram apenas adolescentes.

Esse é o primeiro trabalho da autora e Meu Deus, se isso foi uma primeira tentativa, Jojo e Jhon Green que se preparem pois nos próximos ela domina o mundo com certeza. O livro tem uma pegada que fãs de Jojo e Green vão adorar, uma coisa madura, profunda e intensa, cheia de lições e reflexões que com certeza vamos levar para o resto da vida.  

A química que há entre nós, uma sacada genial, um livro que explica o tema central do livro, da forma científica com a qual ele é visto. Uma reação química que acontece no cérebro, um sentimento chamado amor.
"Mas o amor é científico cara. Quer dizer, ele é apenas uma reação química no cérebro. Às vezes essa reação dura a vida inteira (...) e às vezes não. "


O livro trata de amor, amor puro e sincero, amor químico, amor após a morte, mas também trata de redenção, se perdoar por aquilo que fez é aquilo que acredita ter feito, ou ter sido causador de alguma forma, ele te faz refletir e querer se redimir de algo por menor que seja, se pudesse? Do que gostaria de se redimir leitor?

Um livro que vai te causar um desbaratamento emocional, uma enxurrada de gargalhadas é uma reflexão tão profunda e infinita quanto o universo. Todos os personagens são apaixonantes, e me vi muito em Lola com seu jeito mandão e rude e Henry com seu coração tão doce e sua esperança de que tudo ia dar certo. Ou seja, é aquele livro que você se identifica e mergulha, é um livro que você deseja o melhor, mas que a autora só lhe dá o que é real, sendo assim, se prepare para ser descontruído por Krystal Sutherland, a autora que me conquistou de corpo e alma.
"Histórias com finais felizes são só histórias que não acabaram ainda."

Sobre a edição, a Globo Alt teve o cuidado de manter a capa original, os peixes são uma parte da história e quando a leitura é feita, a capa começa a ser vista com outros olhos, eles estão em todas as páginas de inicio de capítulo dando um capricho a mais á edição, a fonte em tamanho ideal e as páginas amareladas complementam a leitura, revisão como sempre impecável.

Um livro lindo e destruidor indicado à todos os leitores que possuem uma alma masoquista kkkkkkk, que amam rir e chorar durante uma leitura. Fãs de Jojo e Green, se aventurem, vocês não vão se arrepender, eu prometo.
Com relação a nota, esse é o tipo de livro que te faz avaliar tudo que você já leu na vida e já considerou sua melhor leitura, a vontade de voltar e tirar umas estrelinhas de outras resenhas me coça kkkkkk.



Real Time Web Analytics