Últimas Resenhas

[Resenha] O Despertar do Lírio #02 - Babi A.Sette

03 março 2017

Título: O Despertar do Lírio - Livro 02 
Série: Flores da Temporada #02
Gênero: Romance de Época | Literatura Brasileira
Autora: Babi A. Sette 
Editora: Novo Século
Páginas: 380
Ano: 2016 


Sinopse:
Lilian Radcliffe é uma jovem viúva e está feliz com sua vida isenta de emoções. Culpa do luto que não larga? Lilian jurou fidelidade ao marido no leito de sua morte.
Paralelo a isso, conhecemos Simon Thorn, homem frio e libertino, dono da maior casa de jogos de Londres. Ele está a um passo de realizar seu plano de vingança contra o culpado pelo título de assassino que recebera anos atrás. O problema é que o canalha está morto e ele terá de usar a sua viúva recatada a fim de atingir seus objetivos.
De um lado, ela precisa manter sua honra intacta; de outro, ele quer seduzi-la e desmoralizá-la. No entanto, Lilian nunca se sentiu tão vulnerável e atraída por um homem. E Simon, por sua vez, demonstra reações ao lado dela das quais nunca imaginara ter. A vingança e a honra se abalam quando nasce entre ambos uma paixão incontrolável. Mas, para ficarem juntos, terão de enfrentar segredos e mágoas profundas, um castelo trancado há seis anos, palco de uma morte misteriosa e, sobretudo, encarar os fantasmas do passado que assombram suas consciências.


Olá 
Povo!!
 Hoje é dia de resenha de Diva!!! Depois de apresentar o lançamento da Diva Cinthia Freire Minha Rendição, trago a continuação da série Flores da Temporada da Babi A. Sette. Vou confessar, eu espero meses para continuar a leitura dessas séries, e o que me mantém firme e forte é a certeza de que essas autoras jamais me decepcionam!!! E mais uma vez fui tragada para o século XVIII e seus vestidos bufantes, vamos conversar sobre Lilian.


Quem leu A Promessa da Rosa, primeiro volume da série, teve um vislumbre de quem era Lilian, naquela época apenas a irmã mais nova de Kathe nossa protagonista, mas nesse livro conheceremos os mistérios e sentimentos que cercam essa bela jovem viúva.

Alguns anos se passaram e as coisas parecem finalmente se ajeitar, Lilian a cabeça dura finalmente resolveu se casar e talvez assim os boatos diminuam, Lilian agora viúva de Rafael, não deseja muito da vida, no leito de morte de seu marido prometeu ser fiel aos seus votos e jamais se entregar a outro homem enquanto viver. Ela sempre foi uma mulher comportada, de bons modos e casta Lilian nunca fi motivo de boatos diretos, ao contrário de sua irmã mais velha sempre a dama de exemplo da sociedade, mas esses dias de castidade e serenidade podem estar chegando ao fim.


"(...) às vezes dormimos e, quando acordamos depois de um trauma ou de uma grande mudança, a alma não cabe mais no mesmo corpo."

Quando Caroline Bowmer vem até sua residência pedindo que Lilian seja uma companhia para Anabele, sua amiga mais próxima em uma estadia na mansão da família Owen, ela jamais imaginou que aqueles 20 dias terão um impacto tão forte em sua existência.

Simon Owen, mais conhecido como o Barão Assassino, é mais um libertino do século XVIII, que após perder a esposa foi acusado de assassinato, e como uma forma de  rebeldia contra a sociedade aceitou o titulo de bom grado, e até aquele momento fez muito bom uso. Quando Simon resolve se hospedar na casa de campo de sua tia, só possui uma coisa em mente Vingança, e já que seu inimigo estava morto, porque não despejar sua fúria na pobre viúva??? Seus primeiros planos eram desvirtuar a recatada ruiva, manchar sua reputação e depois sumir, mas nem sempre as coisas acontecem como planejamos, e aquilo que devia ser apenas uma vingança se torna uma incrível história de amor, rendição e perdão.


"Entendeu, enquanto caminhava, que algumas pessoas parecem entrar na vida de outras para derrubar suas defesas, desconstruir suas verdades, despi-las."

Não queria dizer... mas não aguento, Lisa Kleypas que se seguro, porque aqui no Brasil temos uma diva tão boa quanto ela ou mais, rasgação de seda a parte, quem conhece o trabalho da Babi sabe que não estou falando nada mais que a verdade, ela chegou com tudo no gênero romance de época, e ficou.

Lilian é uma viúva que se viu casada aos 16 anos com um primo próximo, não entendia como funcionava a vida de casados e o pouco que lhe era oferecido, na sua inocência era o suficiente, depois de um ano de casada se viu viúva com propriedades para administrar e um filho pequeno para criar, mas nada disso a abalou, ela continuou firme com seus conceitos e até aquele momento com sua promessa de se manter fiel a seu primeiro marido.

O problema é que Lilian começa a sentir por Simon coisas desconhecidas, e nos braços desse libertino  aparentemente perigoso, ela irá descobrir a forma mais pura e profunda de amar, aquela que amolece as pernas, tira o fôlego e abriga uma legião de borboletas no estômago.


"Para você é fácil falar porque nunca se apaixonou; se um dia passar por isso, entenderá como dói e como é forte e como nada do que você faz parece amenizar esse sentimento. Ele não pede permissão, ele se apossa da sua vida e, então, você não controla mais nada."

Da forma mais pura Babi desabrocha nossa flor, e que metáfora mais bela, a de uma flor (Lilian = Lirio ) , desabrochar nas mãos de um jardineiro ( Antigo hobby de Simon)??? Lilian mesmo sendo antes uma mulher  recatada, se torna uma mulher quente e cheia de vida, aprende  a amar e ser amada e acima de tudo a se permitir ser feliz nos braços de alguém em que ninguém confia. Simon é por muitos considerados criminoso, mas ela não se importa com a sua fama, ela apenas se importa com aquilo que ele demonstra a ela, e jamais aquele cavalheiro seria tão grotesco.

De forma leve e viciante, quando digo viciante, é porque juro que queria que o livro tivesse mais umas 300 páginas, mas não tinha, Babi nos mostra o amor e o perdão trabalhando lado a lado para a construção de um casal feliz. E claro, quando eu achei que seria apenas amor e felicidade, ela puxou meu tapete e colocou aquele drama tão esperado no enredo.

Mas ainda sim o livro é lindo, engraçado, irreverente e cheia de amor, mais uma vez viajei pelo século XVIII acompanhada de vestidos bufantes e cavalheiros galantes através das palavras da Babi, e isso meus caros, é a sensação mais incrível que existe. Com uma desenvoltura inebriante, ela nos apresenta o enredo intercalando entre a narrativa de Simon e Lilian fazendo com que tudo seja visto e entendido da forma mais clara pelo leitor.

A edição esta mais do que linda, essa capa é apaixonante e encantadora, a diagramação perfeita, confesso que me senti tentada a colorir aqueles lírios nos capítulos kkkkk, encontrei pequenos erros de revisão, mas nada que atrapalhe a leitura, minha única ressalva com a editora é, pelo amor de deus Novo Seculo, para de segurar o material e libere logo os livros que são realmente bons como os da Babi, mais de 6 meses de espera é demais pro meu coração.

Super indico o livro, pra quem ama qualquer tipo de romance, pra quem nunca leu um romance de época nacional ou para que nunca leu um nacional, Babi, assim como Cinthia e tantas outras que trago aqui são a prova de que nossos autores estão cheios de talentos para mostrar, vocês só precisam se abrir as novas estrelas do mundo literário e se permitir conhecer!!!

Amo mais que chocolate e super recomendo, Babi é sem dúvidas minha Lisa Keypas e Tessa Dare Nacional... Leiam 



Real Time Web Analytics