Últimas Resenhas

[Resenha] Em Meus Pensamentos - Bella André

30 janeiro 2015


Título: Em Meus Pensamentos
Autora: Bella André
Editora: Novo Conceito
Ano: 2014
Páginas: 287



Quantos de nós podemos contar com uma segunda chance? Grayson Tyler enfrentou uma tragédia três anos atrás. Agora, ele está recomeçando sua vida nas montanhas da Califórnia. Talvez a paisagem calma, com céu azul, mar e montanhas, o ajude a se esquecer do passado infeliz. Nesse refúgio, ele também deseja ser esquecido por todos que o fizeram sofrer.A tranquilidade vai embora para sempre no dia em que a energia vibrante de Lori Sullivan invade a sua vida. Uma bailarina tão linda quanto impertinente, que não costuma levar desaforo para casa e não está nem um pouco interessada em agradar. O magnetismo entre os dois promete tirar, literalmente, o sossego de Grayson, mas o fazendeiro solitário não está disposto a baixar a guarda. Ele não vai deixar essa novata virar sua vida de cabeça para baixo.


A série Os Sullivans apresenta uma família amorosa composta por oito irmãos (sendo seis homens e duas mulheres, gêmeas) e cada livro desenvolve o romance de um deles. Em Meus Pensamentos é o oitavo livro da serie e não é necessária a leitura dos livros anteriores ou até mesmo ler na ordem tirando por alguns acontecimentos óbvios -como certos casais já formados ou com filhos, porém se você não curte spoiler leia-os na ordem correta, não é nada assim que vá prejudicar, eu gostei bastante desse livro e da autora Bella André, e não me arrependo de começar a ler o livro sem ter lido nenhuma de suas obras anteriores, além disso fiquei interessada de conhecer as outras histórias.

Neste Bella André conta a história da última irmã Sullivan, a Lori. O livro possui um enredo onde perdão, superação, e perdas são ingredientes principais para essa bela história. O casal composto por Lori que está perdida com uma desilusão amorosa e Grayson, com uma história muito mais complicada a ser superada, nos envolve, nos encanta e torcemos do começo ao fim. 

A leitura é leve e eu levei apenas um dia para finalizar o livro e tinha a impressão de que estava vendo um filme e não lendo.

Lori Sullivan – dançarina que comanda uma apresentação em Chicago, após sofrer uma desilusão amorosa que considerou a gota d'água para o fim de seu namoro e de sua relação com a dança, larga a temporada e volta para São Francisco, como não quer contar ainda para a família o que aconteceu e tem a intenção de sumir do mapa por um tempo, Lori escolhe um destino bem longe da cidade grande para recomeçar a vida... E acaba parando em uma fazenda!

Grayson Tyler - é o cara rabugento, mal humorado, amargurado e muito mandão! Tudo deseja há 3 anos, desde que se mudou para o campo após a tragédia que destruiu sua vida, é ficar sozinho na paz e no silêncio. Isso estava dando muito certo... Até a chegada de Lori!


O livro é narrado na terceira pessoa, alternando o foco entre a Lori e o Grayson, então temos uma ótima "visão" dos sentimentos e acontecimentos da história. A trama é bem envolvente e apesar de cercado de todos os clichês que se espera da literatura desse gênero  e do final ser mais do que esperado, o interessante é perceber como a história de Grayson e Lori se desenrola e como os dois superam os fantasmas do passado para se permitirem serem felizes novamente.

Desejá-la dessa forma revelava fraqueza. Uma fraqueza que o consumia um segundo, um minuto uma hora por vez nos últimos dias desde que ela invadiu seu espaço, sua fazenda.


Os diálogos, apesar de impregnados de erotismo em boa parte, não chega ao nível da vulgaridade excessiva encontrada em livros similares, a autora não focou somente no sexo na história, mas aviso que existem sim as partes sensuais e as insinuações, mas não foi algo muito repetitivo. Acho até que a autora desenvolveu muito bem todos os acontecimentos na história e por conta disso gostei bastante do livro.
 
Mas estar tão perto assim de Lori, ter seu cabelo molhado em suas mãos, seus lábios, sua língua contra a dele, fazia seu coração bater mais forte que ele imaginava se estaria forte o suficiente para viver depois.
Merece ser destacado o quão divertido é a história. As cenas cômicas, protagonizadas por Grayson e Lori é o ponto alto da trama a teimosia de Lori e o “ranzizismo” de Grayson são um espetáculo a parte nessa história, sem contar as participações especiais dos animais da fazenda, como os porcos (batizados pela Lori com o nome dos irmãos) e a gatinha Mo/Docinho, que é uma peça importantíssima no livro e que me deixou apaixonada e emocionada!!

Outro ponto que me cativou foi o ambiente rural a rotina em uma fazenda, apesar de pesada, tem um toque de beleza. O convívio com os animais, o cuidado com as plantações, os concertos, as limpezas... A vida simples no campo tem um a beleza, uma paz que chega a causar inveja para quem vive na correria das grandes cidades. Além é claro, da beleza natural dos cenários. 

Também merece destaque o ponto que nos faz refletir sobre o quanto super- valorizamos nossos problemas, sem perceber que muitas pessoas passam por problemas maiores e que os nossos as vezes são insignificantes, foi o que me mostrou "o problema" que levou Lori a se refugiar na fazenda de Grayson, que na minha opinião era infinitamente menor e o que mais gostei é que o próprio Grayson confrontou-a sobre isso, colocando-a no lugar e fazendo-a notar quão imatura estava sendo. Emocionei-me com a maneira como Lori e Grayson curaram um ao outro.

Sinceramente tenho que confessar que a autora me surpreendeu bastante com o desenvolvimento de toda sua história. O tema como já mencionei é bastante envolvente, e mostra o amor de duas pessoas que na verdade nunca dariam certo juntas acabam descobrindo o verdadeiro amor.

Esse livro falou muito sobre perdão, reconhecer os próprios erros e perdoar a si mesmo, superar o passado e se abrir a coisas e oportunidades novas, e também que se isolar por grandes períodos nem sempre é o melhor remédios para o alivio da dor, e conseguiu mostrar o lado positivo, curativo e construtivo do amor, esse sentimento que transforma até mesmo as espécimes literárias mais cabeças-duras. Eu acredito que só o amor poderá mudar o mundo.

Romances profundos, numa narração simples e envolvente. Personagens carismáticos, um toque erótico leve e sensual, com a veneração do amor. E lições de vida nas entrelinhas... É tudo isso que te espera em um romance e encontramos nesse.

Não consigo deixar de admirar também o quanto a Bella André valoriza a união da família, incluindo no livro reuniões dos Sullivan, seus agregados, filhos e até animais de estimação, me deixando com a imensa vontade de ler os anteriores. O destaque dessas reuniões vai para Mary, a querida matriarca que nunca falha ao pronunciar palavras sábias e amorosas quando necessário. 
- No momento em que vi Grayson - a mãe disse a ela - , soube que ele era o homem certo para você, querida.
Recomendo a leitura para quem procura um romance erótico sem exageros, que apresente um amor capaz de fazer acreditar que é possível construir sua própria felicidade.







Resenha cedida em parceria com o blog:
 photo banner_zpsa98eca55.jpg title=







Real Time Web Analytics